Edições anteriores

2017

v. 5 (2017): ANAIS DO VI SIMPÓSIO DE SAÚDE AMBIENTAL

As práticas alimentares contemporâneas têm sido consideradas um desafio à sustentabilidade, pois a elas associam-se, muitas vezes, processos de degradação ambiental, situações de desperdício, iniquidades no acesso à alimentação adequada e saudável e problemas de saúde. A crescente demanda por alimentos, decorrente especialmente do aumento da concentração de pessoas vivendo nas áreas urbanas, trouxe a necessidade de avanços tecnológicos em diferentes etapas da cadeia produtiva, cujos benefícios vieram acompanhados de inúmeros riscos socioambientais, à saúde humana e animal. Assim, considerando a complexidade e relevância deste assunto para o campo da saúde ambiental, espera-se com este VI Simpósio de Saúde Ambiental promover reflexões e debates de natureza interdisciplinar, envolvendo aspectos socioambientais, econômicos, políticos, culturais, agrários entre outros, relacionados direta e indiretamente à melhor compreensão da interface alimentação, saúde e ambiente e à busca pela sustentabilidade.





1 a 10 de 10 itens