O SAP e a governança de TI: suas contribuições para as melhores práticas nas organizações / SAP and TI governance: their contributions to best practices in organizations

Edson Labadessa, Marcos Rodrigo Bittencourt, Michel Menezes Roberto, Alessandro Marco Rossini

Resumo


A melhor governança de TI é gerada pelo controle absoluto de todos os riscos. Se perguntarmos se um sistema de gestão empresarial pode reduzir o tempo com tarefas administrativas e a fazer a empresa ganhar mais tempo para cuidar do gerenciamento estratégico das informações, podemos dizer que sim, pode e, este é o principal conceito que este artigo aborda. As organizações de TI devem adotar um modelo de governança de TI para aumentar sua eficiência e demonstrar que podem agregar valor ao negócio. O papel da TI nas organizações está, a cada dia, tornando-se mais importante, porém os ganhos em produtividade não ocorrem na mesma escala do crescimento da TI. Independentemente da contribuição que a TI possa proporcionar ao ambiente de negócios, é preciso, antes, analisar o perfil da empresa.


Palavras-chave


SAP; CobiT; Itil; Governança de TI; Melhores práticas.

Texto completo:

PDF

Referências


Tecnoponta. Certificação Cobit. (2012). Recuperado em 14 janeiro, 2012, de http://www.tecnoponta.com.br/certificacoes-cobit/

Computerworld. ITIL. Recuperado em 16 outubro, 2011, de http://computerworld.uol.com.br/governanca

Fernandes, A. A., & Abreu, V. F. (2008). Implantando a Governança de TI: da estratégia à Gestão dos Processos e Serviços. Brasil. São Paulo: Brasport Livros, pp 194

Fusco, C. (2011). Correios aderem à versão 4.0 do CobiT. Recuperado em 29 outubro, 2011, de http://computerworld.uol.com.br/governanca/2006/08/04/idgnoticia.2006-08-04.9213790807/IDGNoticia_view

Fusco, C. (2006). Versão 4.0 do framework é ferramenta útil para companhias que precisam se adequar a normas regulatórias como Sarbanes-Oxley. Recuperado em 8 agosto, 2011, de http://computerworld.uol.com.br/governanca/2006/06/05/idgnoticia.2006-06-05.2040710799/IDGNoticia_view

Almeida Junior, E. (2011). Metodologias COBIT e ITIL e as perspectivas do Modelo de Alinhamento Estratégico de TI. Recuperado em 16 outubro, 2011, de http://www.consulting.com.br/edsonalmeidajunior/admin/ downloads/cobit.pdf

SND. (2011). Sap businessobjects governance, risk, and compliance. Recuperado em 14 novembro, 2011, de http://www.sdn.sap.com/irj/bpx/grc

Santin, A. L. S. & Junior, A. S. (2005). A CobiT® Primer (Resumo). Santa Catarina.

Souza, C. A., & Saccol, A. Z. (Org.). (2003). Sistemas ERP no Brasil (Enterprise Resource Planning): Teoria e Casos. São Paulo: Atlas, pp. 194.

Tapajós, U. (2006). Gestão de Serviços de TI com ITIL. São Paulo: ExecuTrain.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Metropolitana de Sustentabilidade - ISSN  2318-3233


 

 Impact Factor 1,362 - year 2015

  

 Quality Factor 2,000 - year 2015